Dica de leitura: “Quarto”, de Emma Donoghue

Descobri a existência desse livro recentemente através de uma indicação de uma querida amiga. Como sou fã de uma boa leitura, não resisti e o comprei semana passada.

Comecei a ler no Domingo à noite e o devorei em menos de 3 dias. Foi impossível parar, apesar da imensa angústia que me envolveu logo nas primeiras páginas.

“Quarto” foi meio que um divisor de águas para mim. Acho que nunca mais serei a mesma depois dele. É uma leitura única, completamente diferente de qualquer outra obra que eu já tenha lido. Tiro o chapéu para a autora, que conseguiu transmitir tanta emoção, amor e dor nas páginas desse livro!

A estória é narrada por Jack, um garotinho de 5 anos que viveu toda sua vida preso dentro de um quarto junto com sua mãe, que foi sequestrada ainda jovem e mantida por sete anos sob constantes abusos de seu sequestrador. Acho que isso já basta para imaginar o quanto esse livro é forte!

Quando comecei a ler, muita vezes achei que fosse estourar de agonia e tristeza! É impossível não se colocar no lugar da “Mãe” e não se emocionar com tanto sofrimento e tanto amor pelo filho, e ao mesmo tempo impossível não se angustiar com a inocência e amor de Jack pela sua Mãe. Em vários momentos precisei engolir as lágrimas que teimavam em querer cair.

“Quarto”, para mim, foi uma experiência sensacional e recomendo a todos sua leitura!

É intenso, é doloroso, mas também muito emocionante e uma fantástica viagem de amor entre uma mãe e seu filho! Acredito que, através das palavras e sentimentos do pequeno Jack, estão resumidas todas as dores, angústias e amores da maternidade!

Leiam! Leiam!

 ”O texto de Emma Donoghue é uma esplêndida alquimia, que transforma a inocência em horror e o horror em ternura. Quarto é um livro para se ler de uma assentada. Quando ele termina, você ergue os olhos: o mundo parece o mesmo, mas, de algum modo, você está diferente, e essa sensação persiste por dias.”

(Audrey Niffenegger)

Sinopse de “Quarto”:

Para Jack, um esperto menino de 5 anos, o quarto é o único mundo que conhece. É onde ele nasceu e cresceu, e onde vive com sua mãe, enquanto eles aprendem, leem, comem, dormem e brincam. À noite, sua mãe o fecha em segurança no guarda-roupa, onde ele deve estar dormindo quando o velho Nick vem visitá-la. O quarto é a casa de Jack, mas, para sua mãe, é a prisão onde o velho Nick a mantém há sete anos. Com determinação, criatividade e um imenso amor maternal, a mãe criou ali uma vida para Jack. Mas ela sabe que isso não é suficiente, para nenhum dos dois. Então, ela elabora um ousado plano de fuga, que conta com a bravura de seu filho e com uma boa dose de sorte. O que ela não percebe, porém, é como está despreparada para fazer o plano funcionar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

TOPO

amora é uma multiplataforma online por e para sapatão: as les, as bi, as cis e trans/nb. Um lugar seguro e saudável pra todes nós.